“Mikhail recebe uma carta”, por Jonatas T. Barbosa

“Em período de paz o sol não nascia naquele lado do mundo. Era como se aquelas terras frias houvessem mergulhado num fluído negro e fossem assim esquecidas pelo céu.”

O calor do oriente médio parte e com ele partem a Fez de “Mosaico” e a Jerusalém de “Via Dolorosa”. Em meio a neve, conheça a Sibéria de Jonatas T. Barbosa em “Mikhail recebe uma carta”.

Ler “Mikhail recebe uma carta”

Mais sobre o autor

3 comentários sobre ““Mikhail recebe uma carta”, por Jonatas T. Barbosa

  1. Gostei muito do conto, muito sólido, as palavras transmitiram a frieza necessária para o leitor transportar se para aquela realidade na sutil forma de uma boa literatura.

    Curtir

  2. Pingback: “O barqueiro de Vostok”, de Pedro Sasse | POLIGRAFIA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s