Concursos literários abertos

Vivemos uma época curiosa no meio literário: mais do que nunca, há, hoje, oportunidades para que todos os aspirantes a escritor coloquem suas ideias no papel, divulguem e publiquem. Ao mesmo tempo, o fenômeno dos best-sellers e o fortalecimento das megalivrarias torna nossa época uma das mais cruéis ao novo escritor. Paradoxal a primeira vista, a situação é um ótimo exemplo da liquidez que o sociólogo polonês Zygmunt Bauman vê na sociedade contemporânea.  É difícil ser um escritor hoje justamente por que é fácil ser um escritor hoje. Quando milhares de livros são publicados todos os dias (contando só os de papel) por centenas de pequenas editoras, somos arrastados por uma tsunami de obras que afoga qualquer possibilidade de um critério razoável de escolha. Se fôssemos apenas ler a sinopse de todas essas obras, ao tempo de terminarmos, outras tantas já haveriam sido publicadas. Resultado: terceirizamos nossos critérios, deixando nas mãos dos formadores de opinião o trabalho de selecionar por nós. Indicações de amigos contam, mas o pilar é a vitrine das livrarias de shopping, as obras adaptadas pelo cinema, os escritores que dão entrevista na TV ou que são resenhados por qualquer youtuber de destaque.

Nesse sentido, de quê exatamente vale a publicação da obra (principalmente naquelas modalidades de autopublicação que vem se popularizando)? Quem lê? De que adianta uma tiragem que empoeira em caixas a espera de seu lugar ao sol?

Um bom começo é, talvez, a busca por um (ainda que arbitrário) reconhecimento. A participação de concursos literários é uma prática ótima para aqueles que querem seguir o ramo da escrita. Num mundo de valor quantitativo, medido em likes e views, eles nos oferecem um valor qualitativo, uma leitura menos corrida, uma avaliação que foge à superficialidade do “adorei!”. Ainda possibilitam publicação, muitas das vezes gratuita, um ótimo começo para ver seus textos estampados em um livro.

Separamos, hoje, assim, quatro concursos para aqueles que querem colocar sua literatura à prova. Fizemos uma seleção prévia entre diversos que estão abertos no momento, optando por aqueles que: (I) têm inscrição gratuita e online; (II) são abertos a todo o país; (III) oferecem publicação como possibilidade de prêmio.

3º concurso cultural de microcontos (IFSP): http://microcontosifsp.wixsite.com/ifsp/blank-1

Concurso literário de escritores lourencianos: http://celliteraturaemsaolourencodosul.blogspot.com.br/2016/08/concursos-literarios-do-centro-de.html

Prêmio literário UCCLA: http://www.uccla.pt/sites/default/files/regulamento_premio_literario_uccla_2016_17_.pdf

E por último, o prêmio Mark Wertz, da Millenium Books, está bem interessante. Além de atender aos critérios de facilidade já elencados, esse concurso oferece diversas categorias de participação e diversos benefícios para os ganhadores, como publicação, contrato, noite de entrevistas, adaptação para outras mídias e workshop. Ótima oportunidade:
http://www.markwertz.com/

Ao trabalho!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s