Caixas de Sobra – Ep. 28

[Quer ler os episódios anteriores? Clique aqui] O rosto de Passos estava emoldurado por suor. A testa estava tão quente que mal ouvia as palavras de Angélica. Ele não compreendeu bem o que pretendia, mas funcionou. Era só manter a calma. O chefe se inclinou para frente exalando um cheiro de Leite de Rosas. – MataramContinuar lendo “Caixas de Sobra – Ep. 28”

Caixas de Sobra – Ep. 27

[Quer ler os episódios anteriores? Clique aqui]   se o coração é um rio que deságua meu coração é água que salgou rio que mata a sede e mata a alma porque não traz alívio pra dor ainda posso ouvir a voz de dona Tereza, aguda, farta, não é a melhor trilha sonora pra umContinuar lendo “Caixas de Sobra – Ep. 27”

Caixas de Sobra – Ep. 26

Os músculos dos ombros se contraem. A respiração fica mais tensa. Os lábios se comprimem. Não é um ruído ou um som de carro, mas a fisiologia dos homens que anuncia a chegada do chefe, como leões que se retraem com a aproximação do alfa. Os homens estão menos expansivos; eu já quase não existo.Continuar lendo “Caixas de Sobra – Ep. 26”

Caixas de sobra – Ep. 25

[Se ainda não viu os últimos capítulos, clique aqui] O chefe não chega. O sol se esgueira por traz da folhagem densa, deixando raios esparsos serpenteando pelo chão. As aves de canto trocam turno com as de rapina e o assobio relaxante do vento se enche de frio. Chegar. Entregar. Sair. A quebra de planosContinuar lendo “Caixas de sobra – Ep. 25”

Caixas de sobra – Ep. 24

[Se ainda não viu os últimos capítulos, clique aqui] Já tinha se habituado às pedras, matos, mosquitos, formigas de todo tipo, percebe que sua audição não havia de todo se perdido, parece ter desenvolvido uma atenção mais sutil aos menores sons, ali é um sabiá!, agora se lembrava das rápidas aulas de Angélica sobre osContinuar lendo “Caixas de sobra – Ep. 24”

Caixas de sobra – Ep. 23

[Se ainda não viu os últimos capítulos, clique aqui] São 13 horas do sacro Domingo. Santos Passos está ajoelhado ao Sol. A discussão ocorre aos sussurros, eclodindo, vez ou outra, um princípio de grito rapidamente abafado pelo desejo de sigilo. A grama ressecada arranha seu joelho. Mosquitos pousam e partem de seu rosto petrificado. DezContinuar lendo “Caixas de sobra – Ep. 23”

Caixas de sobra – Ep. 22

[Se ainda não viu os últimos capítulos, clique aqui] Passos despertou. Estava tudo submerso em silêncio. A TV sintonizada em um canal fora do ar, muda. O suor do seu corpo atraía os insetos. Era a única coisa com que não conseguia se acostumar. As moscas de lanchonete não passavam de borboletas comparadas àqueles parasitas.Continuar lendo “Caixas de sobra – Ep. 22”

Caixas de Sobra – ep. 21

[Se ainda não viu os últimos capítulos, clique aqui] Disponível em: https://pixabay.com/en/red-couch-weathered-couch-sofa-66819/ nem mesmo Sun Tzu conseguiu resistir dentro do meu bolso, se a guerra é uma arte, eu devia ter orgulho do artista em que me tornei, eu pensava na pergunta de Angélica e na resposta que escaparia da minha boca se não tivesse sidoContinuar lendo “Caixas de Sobra – ep. 21”

Caixas de sobra – Ep. 20

(Não viu os últimos capítulos ainda? Clique aqui!) – Não é assim que se vira a massa, seu Passos. A cada vez que Matias me chama pelo nome, me amaldiçoo. Por que não fui inventar uma desgraça de nome falso? Coisas agora tão óbvias, mas que antes não passaram pela minha cabeça. Coisas que meContinuar lendo “Caixas de sobra – Ep. 20”

Caixas de sobra – Ep. 19

(Não viu os últimos capítulos ainda? Clique aqui!) O sussurro impeditivo o afeta, aquela tonalidade feminina, de leveza agressiva, o faz cair em sua incapacidade, não pula o muro, Abrão, não! Vem comigo, melhor por aqui. Ser guiado. Passos segue. Angélica. Haveria de esquecer os dias passados por um tempo… O incidente. A falta deContinuar lendo “Caixas de sobra – Ep. 19”